Educadora 950

Educadora 950

 A Rádio da Família Cristã

OUÇA ÁUDIO AQUI Continuam abertas, até dia 28 de outubro, as inscrições na seleção pública para os cargos de diretor e coordenador pedagógico. Para participar do processo seletivo, os candidatos devem ter ensino superior completo em Pedagogia ou áreas afins. A seleção será realizada pela Escola de Formação Permanente do Magistério e Gestão Educacional (Esfapege) em cinco etapas: prova escrita, curso de formação, provas situacionais, entrevista e análise de títulos. As inscrições deferidas e locais de provas deverão ser divulgadas no dia 31 de outubro, no blog da Secretaria da Educação seducsobral.blogspot.com.br. A data prevista para aplicação da prova escrita será dia 5 de novembro. O resultado final do processo será divulgado no dia 23 de dezembro de 2017. Inscrições AQUI Leia o edital AQUI Fonte: Blog de Sobral
O secretário da Educação de Sobral, Herbert Lima, assinou acordo de cooperação técnica, na quarta-feira (25), no Palácio Iracema, em Fortaleza, com a vice-governadora, Izolda Cela, a Secretaria da Educação do Ceará e o Ministério Público Estadual para implantação das células de mediação escolar. Como parte das ações do Pacto por um Ceará Pacífico, o objetivo é a resolução pacífica de conflitos e o desenvolvimento de ações voltadas para a construção de uma cultura de paz nas escolas nas escolas públicas municipais de Sobral. Com a assinatura do termo, o próximo passo é uma formação de mediadores já na primeira semana de novembro. O processo será coordenado pela Secretaria de Educação do Estado e pelo Gabinete da vice-governadora. Ao todo já são 23 municípios que assinaram o acordo iniciado neste mês de outubro. Mediação Escolar A mediação escolar é definida como o conjunto de saberes, comportamentos, habilidades, técnicas de mediação, práticas restaurativas e processos circulares, além de procedimentos que têm como objetivo a gestão positiva dos conflitos, a prevenção da violência e a construção de uma Cultura de Paz, conceito abrangente esse que é adotado em razão do contexto e do ambiente escolar. Fonte: Blog de Sobral
Com o objetivo de construir um plano de ações para a prevenção da violência no município, a Prefeitura de Sobral iniciou, em agosto deste ano, o projeto #ocupaSobral, que tem o objetivo de diminuir os índices de violência do município, por meio de ações intersetoriais de cada pasta do poder público. Nesta perspectiva, os secretários municipais de Sobral participaram de um encontro na manhã desta quinta-feira (26/10), no auditório do Centro de Educação à Distância (CED), para apresentação dos planos individuais de combate à violência. Neste primeiro momento, cada secretaria expõe seu plano individual para construção do plano intersetorial, como explica o secretário de Direitos Humanos, Habitação e Assistência Social (SDHAS), Júlio César Alexandre, “estamos conhecendo as políticas setoriais, fazendo as análises dessas políticas para compor uma ação integrada no território, que tenha como foco a prevenção à violência de maneira geral, mas em particular, a se começar na adolescência, numa faixa etária que a gente consiga reverter esse processo de violência”. De acordo com Júlio César, as ações estão voltadas inicialmente para os bairros Terrenos Novos, Vila União e Nova Caiçara, que compõem o território I, na política macro estrutural da gestão municipal. “Essa tecnologia social que estamos construindo com a participação das pessoas e do território será replicado em outros bairros”, afirmou. As políticas setoriais existentes em Sobral “continuarão a acontecer em todos os territórios”, assegurou o secretário. “Neste momento estamos construindo algo singular que previna a violência, em particular, na adolescência”, reforçou. As principais ideias de cada secretaria serão apresentadas ao prefeito Ivo Gomes no início do mês de novembro, para posterior aprovação e conclusão do Plano Municipal Instersetorial de Prevenção à Violência. #ocupaSobral Com o objetivo de construir um plano de ações para a prevenção da violência no município, a Prefeitura de Sobral iniciou, em agosto desse ano, o projeto #ocupaSobral, que tem o objetivo de diminuir os índices de violência do município, por meio de ações intersetoriais de cada pasta do poder público. Segundo o prefeito Ivo Gomes, “a prevenção à violência é uma das prioridades da minha gestão e todos nós somos responsáveis. Por meio do #ocupaSobral, cada secretaria está criando um pacote de estratégias e ações que serão executadas paulatinamente em todos os bairros e distritos da cidade. Nosso objetivo, por meio desse programa, é convidar a população, sobretudo as juventudes, a ocupar os espaços públicos de Sobral e, ao mesmo tempo, criar uma política municipal de atenção integral aos adolescentes, pois estes são os mais vulneráveis à entrada no mundo da criminalidade”, explicou o prefeito Ivo Gomes. O chefe do executivo municipal destacou ainda que a união em prol dessa causa é de fundamental importância para a execução do #ocupaSobral. “Durante muitos anos da minha vida eu pensei que a educação fosse a solução para todos os problemas. Hoje, reconheço a educação como uma base fundamental para todos os projetos, mas comprovei, ao longo dos meus 20 anos de vida pública, que precisamos de mais ações concretas para conseguirmos ter uma cidade mais pacífica e unida”, frisou. Fonte: Blog de Sobral
Na Série C do Campeonato Cearense, o jogo entre Crato e União terminou de forma inusitada. Com o placar de 10 a 0, o capitão da equipe mandante, em comum acordo com o do time adversário, dirigiu-se ao árbitro e pediu o fim da partida. O jogo, no Estádio Geraldão, em Brejo Santo, foi válido pela 5ª rodada do Grupo A2. O árbitro Renato Pinheiro, da Federação Cearense de Futebol (FCF), teria acatado o pedido e, assim, finalizou o jogo aos 40 minutos do 2º tempo. O feito foi registrado em súmula. Súmula fala em acordo entre capitães para encerrar jogo antes do tempo regular. (Foto: Divulgação/FCF) Súmula fala em acordo entre capitães para encerrar jogo antes do tempo regular. (Foto: Divulgação/FCF) "Informo também que o capitão da equipe do Crato veio falar comigo junto com o capitão do União solicitando que encerrasse o jogo, pois sua equipe já estava perdendo por 10 a 0" Com apenas 11 jogadores relacionados e atuando, o Crato não tinha banco de reservas. Aos 35 da etapa final, a equipe caririense já perdia por 10 a 0. Com um expulso, outro contundido e com grande desvantagem no placar, o zagueiro Neném teria pedido para encerrar a partida, segundo a súmula disponível no site da FCF. - Chamei o árbitro aqui na Federação para ele relatar o que houve. Na súmula, não está muito claro. Uma equipe se recusou a continuar jogando, no caso, a equipe que estava perdendo. Se uma equipe X se recusa a jogar, a outra não tem como continuar o jogo. Então, realmente, o juiz dá como encerrado. O árbitro conversou com os capitães, mas não relatou em súmula. Não deixou isso claro - disse Paulo Silvio, presidente da Comissão de Arbitragem do Ceará. Ainda de acordo com o documento, a decisão partiu do capitão da equipe do Crato, Neném, no caso. Procurado pela reportagem, o zagueiro disse que não ficou com a braçadeira, e sim, Gabriel (que usa o nome de jogador Borel), embora o jogador tenha sido expulso aos 25 do 2º tempo. A súmula da partida relata, inclusive, que Neném (Antônio Carlos S. Clementino) recebeu a braçadeira do expulso "Borel". Pois bem, o então capitão, junto a Anderson Cícero, capitão do União, teria se dirigido ao árbitro Renato Pinheiro para fazer o pedido. A justificativa era de que a equipe já estava perdendo por 10 a 0. A regra não permite que o árbitro termine antes dos 45 minutos do segundo tempo. A não ser se uma das equipes se recusar a jogar, que foi o que houve, ou por falta de iluminação, segurança, médico, condições naturais, essas questões. Se nada disso aconteceu, o regulamento não permite. Aí, o árbitro não pode. Ele tem que ser motivado por uma dessas questões - explicou Paulo Silvio. Diretor de futebol do Centro Esportivo União, Fernando Campos discorda do relato feito pelo árbitro Renato Pinheiro e disse que o jogador da equipe não tem nada a ver com a decisão. O árbitro coloca o que ele quiser. Aí, os atletas e o clube não têm nada a ver com isso. Ele pode falar, eu estava no jogo e o árbitro de livre e espontânea vontade. Ele terminou o jogo e depois falou que combinou com os capitães. A gente tava querendo era fazer mais gol para ter saldo. Conversei com o jogador no vestiário após o jogo e foi isso - afirmou o diretor. Paulo Silvio esclarece ainda que o documento, já publicado no site oficial da Federação Cearense de Futebol, pode ser alterado caso haja necessidade. Se o "acordo" se confirmar, clube e arbitragem podem sofrer punição, completa. - Se o Tribunal entender que eles se recusaram a jogar, podem ser punidos. Isso é uma coisa do entendimento do Tribunal (Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol no Ceará). Se estiver diferente do ocorrido, pode alterar a súmula. Caso contrário, vai continuar como está. Ainda não se sabe se foi acordo ou recusa (de uma das equipes em seguir o jogo). Preciso ouvir o árbitro e os assistentes para saber se a redação está de acordo. Se isso tiver ocorrido, tanto a arbitragem como o próprio clube serão punidos - explicou Paulo Silvio. Fonte: G1/CE
presidente Michel Temer sancionou a venda para a iniciativa privada do Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, do município de Juazeiro do Norte no Ceará, assim como a de outros doze aeroportos em outras localidades do país. A medida foi publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (25). De acordo com o decreto, os equipamentos públicos federais correspondentes à medida poderão ser vendidos individualmente ou em blocos, de acordo com decisão que será baseada em estudos de modelagem da desestatização. Esses estudos serão de responsabilidade do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. Já a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) deve disponibilizar em breve à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) os contratos e convênios já existentes nesses aeroportos, assim como todas as informações e plantas dos estabelecimentos. Confira a lista de aeroportos disponibilizados para a privatização: Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, em Juazeiro do Norte (CE) Aeroporto Eurico de Aguiar Salles, em Vitória (ES) Aeroporto Gylberto Freyre, em Recife (PE) Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande (MT) Aeroporto de Macaé, em Macaé (RJ) Aeroporto Presidente Castro Pinto, em Bayeux (PB) Aeroporto Presidente João Suassuna, em Campina Grande (PB) Aeroporto Santa Maria, em Aracaju (SE) Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió (AL) Aeroporto Maestro Marinho Franco, em Rondonópolis (MT) Aeroporto Presidente João Batista Figueiredo, em Sinop (MT) Aeroporto Piloto Oswaldo Marques Dias, em Alta Floresta (MT) Aeroporto de Barra das Garças, em Barra das Garças (MT) Fonte: G1/CE
O governador Camilo Santana e o secretário da Educação Idilvan Alencar participaram da divulgação dos dados, nesta quarta-feira (25), em Brasília, pelo Ministério da Educação O Ceará superou a média brasileira em Leitura, Escrita e Matemática das crianças que estavam matriculadas no 3º ano do ensino fundamental da rede pública. Além disso, o Estado obteve os melhores resultados do Nordeste. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) nesta quarta-feira (25), com base nos resultados finais da Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) 2016. Na escala de Escrita, o Ceará tem 70,7% das crianças no nível suficiente. Em 2014, esse número era de 61%. No Nordeste, o Estado ocupa o primeiro lugar. Em segundo, está o Rio Grande do Norte (59,16%) e, em terceiro, Pernambuco (48,19%). Conforme a avaliação realizada em 2016, a Região ficou com 49,1% e o Brasil, 66,15%. Em relação às competências de Leitura, por exemplo, 54,76% dos alunos cearenses estão em condições consideradas adequadas. O Nordeste alcançou 30,85% e o Brasil 45,27%. O governador Camilo Santana e o secretário da Educação, Idilvan Alencar, acompanharam a divulgação, em Brasília. “O Ceará está acima da média brasileira. Isso é resultado do esforço de municípios, diretores, professores e alunos; de uma pactuação que foi construída no Ceará e que está trazendo resultados importantes”, comemorou o governador. E continuou: “É um orgulho para nós, cearenses, mas é claro que vamos avançar cada vez mais”. Matemática Em Matemática, o Ceará apresenta um percentual de 51,72% de crianças em uma situação adequada. Em 2014, o percentual era de 49%. Neste mesmo nível, em 2016, o Nordeste está com 30,54%, enquanto o Brasil com 45,53%. O Ceará é o primeiro estado nordestino no Nível 4 de Matemática, com 31,28%. Em segundo lugar está Pernambuco (16,7%), seguido do Piauí (13,34%). O governador Camilo Santana e o secretário da Educação Idilvan Alencar participaram da divulgação dos dados, nesta quarta-feira (25), em Brasília, pelo Ministério da Educação Critérios de avaliação O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) organiza os resultados em uma escala que vai de 1 a 4 em Leitura e Matemática e até 5 em Escrita. Trata-se de uma avaliação censitária. De acordo com a ANA, na região Nordeste, o Estado é o que o apresenta o maior percentual no nível 4 em Leitura (19,25%), à frente do Rio Grande do Norte (6,98%) e Piauí (6,6%). O Ceará é o terceiro lugar do Brasil neste nível. Em primeiro lugar, está Minas Gerais (23,29%) e, em segundo, Santa Catarina (19,35%). O Nordeste alcançou 7,25% e o Brasil 12,99%. O titular da Seduc destacou o desempenho alcançado. “O Ceará está fazendo bonito no resultado da ANA 2016, com crescimento nos indicadores de Leitura, Escrita e Matemática. Estamos acima da média do Brasil e do Nordeste nestas três competências. E isso é resultado do esforço, também, de prefeitos e secretários municipais, além de equipes da Seduc e das Credes”, avaliou o secretário. A análise demonstra que as crianças cearenses avaliadas conseguem ler palavras complexas e localizar informações explícitas em textos curtos; reconhecer a finalidade de texto como convite, cartaz, receita, entre outros. Ou seja, os alunos tinham desenvolvido uma estrutura de leitura mais complexa. Mais Paic Uma das ações que influenciaram diretamente nos resultados de alfabetização das crianças cearenses foi o Programa Alfabetização na Idade Certa (Paic). Em 2007, o Programa começou suas atividades com a meta de garantir a alfabetização dos alunos matriculados no 2º ano do Ensino Fundamental da rede pública cearense. Em 2011, para expandir as mesmas ações ao 3º, 4º e 5º anos, foi lançado o Programa Aprendizagem na Idade Certa (Paic +5). Em 2015, as ações chegam ao ensino fundamental II (6º, 7º, 8º e 9º anos), a partir do lançamento do Mais Paic – Programa de Aprendizagem na Idade Certa, pelo governador Camilo Santana. Conforme dados do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (Spaece) 2016, 87% dos estudantes encontram-se alfabetizados ao término do 2º ano. Em 2007, esse percentual era de apenas 39,9%. Nesse mesmo período, é possível verificar que houve uma redução de percentual de alunos não alfabetizados ao final do 2º ano. Caiu de 32,8% para 0,7%. Em 2016, a aprendizagem dos alunos do 5º ano, nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, melhorou em relação ao ano de 2008. Em Língua Portuguesa, o percentual de alunos no nível adequado subiu para 39,9%, enquanto, em 2008, o nível era de 6,8%. Em Matemática, era de 3,6% e passou para 30,2%. Outra conquista importante é o número de municípios cearenses no Padrão Desejável em alfabetização das crianças ao final do 2º ano do Ensino Fundamental. No início do programa, apenas 14 municípios estavam no padrão Desejável em alfabetização das crianças ao final do 2º ano do Ensino Fundamental. Em 2016, esse número subiu para 180. Quanto aos resultados do 5º ano, em 2008, nenhum município cearense apresentava média no nível adequado em Língua Portuguesa e Matemática. Em 2016, o resultado do 5º ano cresceu de forma considerável, mostrando que 31 municípios cearenses já se encontram com média no nível adequado nas duas disciplinas. Os resultados começam a aparecer. O Ensino Fundamental II, que inclui as crianças do 6º ao 9º ano, teve seu acompanhamento pelo Spaece, a partir de 2012. Naquele ano, o percentual de alunos no nível adequado em Língua Portuguesa era de 8,6%, subindo, em 2016, para 15%. Já em Matemática, o percentual de alunos no nível adequado passou de 3,9%, em 2012, para 7%, em 2016. As estratégias para alcançar a melhoria neste nível de ensino incluem o acompanhamento das escolas, a formação de professores e a utilização de material didático. Fonte: Governo do Estado
A Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria da Cultura, Juventude, Esporte e Lazer (Secjel), Secretaria do Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) e Instituto ECOA, irão realizar, a partir desta quarta-feira (25/10), a abertura oficial da Semana Municipal do Patrimônio, que segue até sexta-feira (27/10), no Pátio da Casa da Cultura de Sobral com uma programação composta por rodas de conversa, mesas redondas, palestras e programação cultural. A ação é alusiva ao Dia Municipal do Patrimônio, comemorado em 28 de Outubro, data do tombamento do Sítio Histórico de Sobral pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), que ocorreu no ano de 1999. “Conhecer, preservar e proteger a memória coletiva é fundamental para a valorização da identidade local. Toda a comunidade está convidada a participar das nossas atividades, que são totalmente gratuitas e abertas a todos os públicos”, conclamou o titular da Secjel, Igor Bezerra. Fonte: Blog de Sobral
O prefeito Ivo Gomes recebeu, nesta quarta-feira (25/10), o diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), Paulo André Holanda, a fim de firmar uma parceria, juntamente com o SENAI, para desenvolver um programa de educação profissional, tecnológico e de inovação para a população, com foco nas juventudes. “Esse novo projeto que será implantado no município terá como foco o empreendedorismo e, sobretudo, a questão da educação com valores primordiais para os novos profissionais que serão formados, como a ética para o empreendedorismo e outros tantos cursos técnicos, que terão várias modalidades, a depender do setor industrial que será mapeado pela Prefeitura, para que nós possamos profissionalizar dentro da real necessidade de formação que Sobral tem", afirmou o diretor regional do SENAI, Paulo André Holanda. Segundo o secretário do Trabalho e Desenvolvimento Econômico (STDE) do município, Inácio Ribeiro, no próximo dia 10 de novembro, técnicos do SENAI, da STDE e da Secretaria dos Direitos Humanos, Habitação e Assistência Social (SDHAS) irão apresentar ao prefeito Ivo Gomes o piloto final do programa com a quantidade de cursos, públicos para os quais eles serão voltados, dentre outros aspectos estruturais. “Após o nosso próximo encontro, o prefeito fará suas observações referentes à logística do projeto, e há uma pretensão que esse programa de educação profissional passe a funcionar, de fato, a partir de janeiro de 2018”, ressaltou. “Com a implantação do programa de educação profissional, tecnológico e de inovação iremos profissionalizar os nossos jovens, ao mesmo tempo em que vamos capacitar os adultos que se encontram fora do mercado de trabalho. O SENAI é o nosso grande parceiro nesse projeto, que irá atender todos os públicos, mas sempre com um olhar especial voltado às juventudes, que, inclusive, foi uma das minhas promessas de campanha”, concluiu Ivo Gomes. Fonte: Blog de Sobral
O Sirena, que veio da Flórida, é o primeiro de 15 cruzeiros que passarão pelo Estado Com 1.048 passageiros, o navio Sirena passou nesta terça-feira (24) por Fortaleza e abriu a temporada 2017/2018 de cruzeiros no Ceará. Outros 14 navios devem embarcar no Terminal de Passageiros do Porto do Mucuripe até março de 2018. Os passageiros embarcaram às 11 horas e foram recepcionados com guias e mapas informativos e brindes da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur). Os turistas permanecem na capital cearense até as 23 horas desta terça-feira. Vindo de Miami, na Flórida (EUA), o Sirena já passou por Barbados, Guiana Francesa, Santarém, Manaus e Macapá. De Fortaleza, parte para Recife, Rio de Janeiro, Santos, Porto Alegre, Punta del Leste, Montevideo e Buenos Aires, encerrando o percurso no dia 10 de novembro. A maioria dos passageiros é norte-americana (394). Também há canadenses (92), ingleses (35), alemães (25), australianos (19), neozelandeses (15), entre outros. Todos na faixa etária de 60 a 100 anos. O Sirena, que veio da Flórida, é o primeiro de 15 cruzeiros que passarão pelo Estado “Fortaleza tem a grande vantagem de ser porto de passagem. Parar aqui praticamente não é mudança de curso. Estamos no caminho dos cruzeiros que vêm dos EUA e Austrália para a América do Sul e dos que vêm da Europa para a América do Sul. Além de estarmos no percurso dos navios que vêm do Sul em direção ao rio Amazonas. A tendência é que a quantidade de cruzeiros atracando na nossa capital só aumente”, destaca o secretário do Turismo, Arialdo Pinho. Neste ano, o Terminal do Mucuripe já recebeu 11 cruzeiros, totalizando quase 13 mil visitantes. Um não atracou por mau tempo. Outros dois estão previstos até o fim deste ano. O número de turistas chegando pelo porto em 2017 já é maior que o total de passageiros que vieram em todo o ano de 2016, quando a Capital recebeu oito navios, com 8.625 passageiros. Em 2015, Fortaleza recebeu sete navios com 18.585 passageiros ao todo. Fonte: Governo do Ceará
Nesta terça-feira (24), a vice-governadora Izolda Cela recebeu o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra para tratar do processo de implantação do Pacto por um Ceará Pacífico no município. O processo de implementação das ações territoriais começou a ser construído no primeiro semestre deste ano. Para a vice-governadora Izolda Cela, esta experiência no Município pode ser muito rica e gerar boas influências para a Região. “Juazeiro é um município polo do interior sul do Ceará que abraçou o projeto e vai implantar um território prioritário, em uma experiência piloto. Juntamente com uma nova modelagem de policiamento agregam-se outras ações de fortalecimento da comunidade, tanto melhorias urbanas, quanto a melhoria e articulação dos serviços sociais no território. Dessa forma, acreditamos que há melhores perspectivas no enfrentamento da violência. Para sermos capazes de ganhar, pouco a pouco, esta batalha, é necessário que haja articulação entre o Governo do Ceará e os municípios. Nesta terça-feira (24), a vice-governadora Izolda Cela recebeu o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra para tratar do processo de implantação do Pacto por um Ceará Pacífico no município. Izolda Cela explicou para o prefeito Arnon Bezerra e a equipe técnica de Juazeiro do Norte todo o processo de atuação das Unidades Integradas de Segurança, além de destacar as várias ações da Uniseg e a relação com a comunidade dos territórios do Ceará Pacífico. De acordo com o prefeito Arnon Bezerra, “Saímos felizes desta reunião, pois vemos no Ceará Pacífico uma maneira elegante e incisiva de se tratar o problema da violência, sem ser agressivo. É um problema que atinge toda uma sociedade e queremos, tanto governo estadual, quanto governo municipal, prepararmos um modelo que possa possibilitar a passos largos andarmos e resolvermos essa questão”. Nesta terça-feira (24), a vice-governadora Izolda Cela recebeu o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra para tratar do processo de implantação do Pacto por um Ceará Pacífico no município. Participaram da reunião o secretário chefe de gabinete da Vice-Governadoria, Fernando Oliveira, a secretária Desenvolvimento Social e Trabalho de Juazeiro, Isabela Bezerra, o secretário de cultura do município, Arlemberg Quindins, além de técnicos da equipe do Ceará Pacífico. Fonte: Governo do Ceará