A gratidão do Papa aos profissionais da saúde, artesãos da cultura da proximidade

Uma grande delegação da Lombardia, a região italiana mais afetada pela pandemia do coronavírus, foi recebida pelo Papa Francisco na manhã deste sábado (20), no Vaticano. O Pontífice expressou gratidão àqueles que foram “artesãos silenciosos da cultura da proximidade e da ternura”, isto é: médicos, enfermeiros, agentes sanitários e inclusive muitos sacerdotes que com a sua abnegação e “criatividade” nunca deixaram os doentes e as famílias sozinhos, mesmo às vezes tendo que colocar a vida em risco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *